Marketing Digital – Pare de falar que faz e comece a fazer!

midias-sociaisTwitter, Flickr, Linkedin, blog, Slide Share, You Tube e mais tantas outras mídias sociais são as palavras do momento no discurso de grandes oportunidades de investimento em comunição que centenas de profissionais de agências de publicidade com faturamento baseado em BV aplicam hoje em dia. Frases, conteúdo e contexto superficiais para criar um vínculo com os produtos de comunicação que seus clientes estão acostumados a comprar e assim colocar mais uma peça no portifólio e algumas ações promocionais envolvendo seguidores no Twitter ou quando muito outra mídia social do momento.

Hoje em dia, fazer site, lançar um blog e criar um perfil no Twitter é chamado de Marketing Digital. Que triste…
Pesquisas mostram que cerca de 40% dos usuários que cadastraram seu perfil no microblog desde o ano de fundação, não possuem nenhum post publicado. Veja mais em a Diferença entre estar no twitter e usar o twitter.

As agências de publicidade ainda não se arriscaram a entender o que realmente é marketing digital porque não visualizaram como ganhar dinheiro com isso. E ainda tem o fato de todas estas mídias sociais serem gratuitas, o que desperta no cliente a questão: “Devo pagar por algo que todo mundo tem de graça?”.

Pois bem, aqui vai umrecado para as agências de publicidade:

“Em breve, poderemos ver grandes agências de publicidade sendo compradas por grandes agências digitais e pequenas agências tradicionais simplesmente sumindo do mercado.”

Pare e pense sobre a força que o Google como veículo ganhou nos últimos 6 anos somente aqui no Brasil e compare com a força que a Globo tem devido a décadas de existência.

As mídias sociais são democráticas e livres. As pessoas falam o que querem sobre outras pessoas, produtos, serviços e experiências com marcas. Empresários, vocês não controlam mais o que é publicado sobre sua empresa ou produto na internet. Simplesmente, viva com isso.

As pessoas não acreditam no que sua empresa fala sobre o seu produto ou serviço. Elas acreditam no que outras pessoas como elas falam sobre a experiência real que tiveram com o atendimento de uma pizzaria. Dos problemas que estão tendo com seu Mac Book Pro, do tempo que demoram na fila do caixa no Carrefour. Os funcionários questionam porque o Pão de Açúcar é um lugar de gente feliz. Ações simuladas de mobilização pró-produtos ou marcas veiculadas no You Tube são ridicularizadas pelos usuários por usarem figurantes contratados.

Marca não é nada. Sede é tudo. Este era o slogan da Sprite alguns anos atrás. Esta frase reflete o que é marketing digital hoje em dia. As embalagens de Sprite tinham o rótulo de ponta cabeça, para afirmar que o que importa é matar a sede bebendo o produto. Este é o espírito das Mídias Sociais, onde as marcas são construídas através de depoimentos sobre a interação com um produto, sobre a experimentação de um serviço.

Problemas de marketing não se resolvem com comunicação. Problemas de marketing são resolvidos com inovação e quem cria inovação são as pessoas na sua empresa, são os seus funcionários. Afinal, anúncios não vendem nada! Quem vende são as pessoas que entregam as promessas feitas nos anúncios.

Quantos dos seus funcionários tem um perfil no twitter e sabem o que está sendo falado sobre sua marca, seus produtos e serviços por aí?

Quantos dos seus funcionários conversam com clientes via messenger, skype, chat online e fecham negócios lucrativos? Quantos falam mal da sua empresa fazendo o slogan que aparece na TV ser sinônimo de mentira.

Quantos clientes estão criticando o seu atendimento nas mídias sociais?

Quantos clientes a sua agência de publicidade perdeu por terem contratando designers que customizam sites com base em templates em duas semanas de forma totalmente integrada com mídias sociais, SEO e totalmente atualizáveis?

Quanto você deixou de lucrar com o seu cliente porque disse que produzir o texto sobre a empresa era de responsabilidade dele?

Se você não sabe as respostas porque está mais preocupado com a data do recebimento do seu BV, fique atento, pois garanto que muitos dos seus concorrentes sabem e eles estão criando inovação no seu mercado.

INOVE OU MORRA! Iguais a você tem um monte!

Rogério Kobal é consultor de negócios especializado em marketing digital. Criou sua própria empresa por querer empreender suas idéias e capacidade de execução junto de seus clientes, sempre em busca de grandes resultados em conjunto utilizando marketing digital, palestras sobre execução e inovção. Se você possui alguma dúvida sobre negócios deixe seu comentário neste artigo ou pergunte pelo formspring aqui no site.

3 Comentários “Marketing Digital – Pare de falar que faz e comece a fazer!”

  1. Felipe disse:

    Seu post é muito bom. Abriu a minha mente para uma reflexão sobre o que realmente estou fazendo. No marketing digital às vezes ficamos maluco com tantas informações e detalhes. Obrigado, gostei muito!

  2. Olá Maurício,
    Realmente é um grande desafio quebrar os paradigmas de comunicação do mercado. O grande diferencial do marketing digital é a possibilidade de mensurarmos resultados em tempo real sobre os investimentos realizados em comunicação. Se conseguirmos mostrar isso para os clientes, conseguimos nos defender da guerra de preços. Mas é claro que sempre é necessário sentir as reais necessidades do cliente e entender se ele está preparado para colher os frutos do marketing digital. Do contrário, não vai conseguir visualizar os resultados.

  3. Maurício disse:

    Muito bom! Se não fizermos coisas realmente diferentes em nossos negócios, sempre seremos mais um e ai vamos morrer tentando fazer jobs por preços cada vez menores pois os clientes nunca vão enxergar o valor agregado do marketing digital

Deixe um comentário